domingo, março 25, 2007

CAIR TAMBÉM É VIVER

NOS MOMENTOS SILENCIOSOS QUE NASCEM
SÃO CORES E TRAÇOS, FORMAS E VÉUS
SÃO VOZES E SILÊNCIOS, SÃO SONHOS E CAMINHOS
SÃO QUESTÕES E RESPOSTAS

MOMENTOS QUE SE ESTENDEM E O CORPO ACEITA
MOMENTOS DUM PASSADO TORNADO PRESENTE
MOMENTOS DE MEMÓRIAS E SONHOS
MOMENTOS DE CONSTRUÇÃO

FECHAR OS OLHOS E DEIXAR O SONHO GANHAR VIDA
ESTENDER OS BRAÇOS E TOCAR O INFINITO
NAS MÃOS O FOGO QUE ARDE
NAS PERNAS AS RAÍZES QUE CRESCEM

PASSA A VIDA E PASSA O HOMEM
SONHOS CONSTRUÍDOS, SONHOS DESFEITOS
VONTADES, DESEJOS E SENTIDOS
RODA DA VIDA QUE GIRA NO ETERNO QUE PERMANECE

DESCER E SUBIR, CAMINHAR E CONSTRUIR
RECORDAR E TRANSPORTAR
APRENDER E CRESCER
CAIR TAMBÉM É VIVER

2 Comments:

Blogger Bruxinhachellot said...

Toda vez que venho aqui aprendo um pouco mais e assim cresço. A forma com que trabalha as palavras e modela a essência da poesia faz-me sentir que o mundo, independente do que pareça, tem suas potencialidades de desenvolver-se a contento. Amei sua poesia.

Beijos de chocolate.

25 março, 2007 23:40  
Blogger Lia said...

Caímos e cairemos muitas vezes, para sempre nos levantarmos, aprendendo de uma maneira mais dura o que não queríamos aprender.

Beijinhos

26 março, 2007 16:56  

Postar um comentário

<< Home


Blessed Be



referer referrer referers referrers http_referer